Buscar
  • Jorge Vilhena

Crónicas do Vilhena


Ser um jovem atleta pode ser uma experiência extremamente gratificante.Esta experiência pode promover um desenvolvimento físico e psicológico do atleta muito saudável.Para que assim seja além dos técnicos e dirigentes que acompanham estes atletas é muito importante também a contribuição dos pais e família destes jovens.Os pais e família encontram-se assim numa posição de influência sobre eles,podendo motivá-los,instrui-los,valoriza-los ou criticá-los.

Os jovens na maioria dos casos inserem-se na prática de qualquer desporto para se divertirem,para estar com amigos,fazer novos amigos e experimentar coisas novas.Procuram também aprender ou até aperfeiçoar habilidades físicas ou psicológicas que possuam.

Os pais e família devem assim ter muito cuidado na maneira como gerem influência nos próprios filhos pois ela pode ser positiva promovendo assim o prazer e o divertimento,assim como a sensação de competência e eficácia do filho como pode bem pelo contrário ter uma influência negativa levando o jovem atleta á desmotivação e o consequente abandono da prática desportiva.

Nestes anos que levo de futebol formação tenho visto vários tipos de pais:

-Pais excessivamente críticos,parecem estar sempre insatisfeitos com o rendimento dos filhos ou da equipa.

-Pais treinadores de bancada,sempre a intrometerem-se ou criticando o trabalho do treinador.

-Pais descontrolados que permanentemente tem comportamentos agressivos quer para os árbitros quer para os treinadores.

-Pais desinteressados que não acompanham os filhos.

-Pais super-protectores que ameaçam sempre retirar os filhos da prática desportiva por qualquer pequeno pormenor menos positivo que aconteça.

Queria no entanto também realçar aqui o papel muito importante que os pais desempenham na parte logística de um clube ,pois são eles muitas vezes que transportam os filhos quer para os treinos como para as competições,ajudam no transporte do material,já para não falar nas mensalidades e materiais necessários á prática desportiva do filho que têm de pagar.

Muitas vezes vemos pais que parecem ter motivações próprias ou querendo projetar no filho jovem atleta determinados níveis de perfomance que eles próprios gostariam de ter tido.É muito importante que os pais apoiem os seus filhos mas é muito mais importante que saibam distinguir entre Apoio e Pressão.

A todos os pais peço assim que tentem ter a melhor atitude para que o desenvolvimento quer físico quer psíquico do seu filho seja o mais correto.

VIVA MONTEZELO!!!

Montezelo Sempre!


0 visualização
Morgado & Cª. S.A.
Razão de Mudança
Talho do Povo
Gondodoce
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now